Pilates

História do método

Joseph Hubertus Pilates nasceu na Alemanha em 1880. Era uma criança doente que sofria de asma, raquitismo e febre reumática. Joseph, em sua juventude, estudou diferentes formas de movimento. Tornou-se especialista em cultura física, mergulho e ginástica.

Durante a primeira guerra mundial, Joseph ganhava a vida na Inglaterra lutando boxe; com isso foi considerado um inimigo estrangeiro e foi preso em um campo de concentração.

Joseph tornou-se enfermeiro e treinou estrangeiros com exercícios de cultura física por ele criados. Em 1926, Pilates foi para os Estados Unidos e fundou um Studio na cidade de Nova Iorque, denominando seu método como “ Contrologia”.

Joseph viveu uma vida saudável e longa, e faleceu com 87 anos em 1967. Desde então o método cresceu muito e nos dias de hoje o método Pilates não é somente usado como atividade física, mas também com objetivo de reabilitação, tratando inúmeras patologias. A definição de Pilates para um bom condicionamento físico é a manutenção e obtenção do desenvolvimento uniforme do corpo, da saúde mental, de modo a capacitar as pessoas a realizar suas atividades da vida diária com facilidade.

Para Joseph, os exercícios eram baseados em fortalecimento muscular, com alongamentos. Por isso ele já dizia na época: se um indivíduo tem 20 anos e está encurtado, é um velho. Porém, se aos 60 anos tem flexibilidade e força, é um jovem.